quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Ao Acaso


Palavras.
Jogadas.
Ao acaso.

O que são?
São?
O que?

Representam?

Por que?
Para que?
Como?

Ora essa...
Deixe-me!
Não venha me importunar!

Não!
Não agora!
Agora Não!

Tolice!
Pura tolice!
Burrice!

Nunca que...
Um dia...
Descobrirás.

9 comentários:

  1. As palavras são de cada um e seu entendimento também. Podem ferir, magoar, importunar e fazer o que bem quiserem de nós.
    Você sabe brincar com elas... Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Moça! Obrigada por me seguir, poxa, gostei bastante daqui também! Estou seguindo!

    ResponderExcluir
  3. gostei das poesias, vou te seguir tambem

    ResponderExcluir
  4. Muito bom. Realmente são palavras jogadas. E significam.

    ResponderExcluir
  5. Conheci seu blog na comunidade Caio Fernando Abreu.
    Gostei muito e estou seguindo.
    Acho que ter um blog significa ter um espaço para dividir com pessoas de todo lugar do mundo, coisas que gostamos, pelas quais nos apaixonamos, aquilo que move nossa alma e nosso coração. Você faz isso muito bem.
    Parabéns!

    http://sabordaletra.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Gostei! Estou te seguindo também!

    ResponderExcluir
  7. Gostei do seu cantinho também. Seguirei-te.

    ResponderExcluir
  8. Elas destroem ou constroem. Na maioria das vezes indomodam.. gostei =)

    ResponderExcluir

E por que não se expressar?